Bem vindo(a)!

Se adoras séries norte-americanas, gostas de estar a par das ultimas noticias, conhecer novas séries e conhecer novas pessoas e dar a tua opinião, então este é o site ideal para ti.

Faça login para poder acessar por completo nosso fórum!

Faça parte da familia «Séries Completas» entre e registra para se mas um membro da Familia

Abraço a todos que visitam nosso fórum.
Hugodf1, administrador do fórum.

Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Dirty Sexy Money: The Convertable (02×11)

Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

Admin

avatar
Administração
Administração


Beeeeem melhor que The Facts, mas ainda desce meio torto. Acho que essa é minha melhor definição para este episódio de Dirty Sexy Money.

Se adorei a interação entre Brian, Nick e Karen, achei um despropósito os membros da família Darling alugarem um carro velho para ir até Washington. Seria mais o estilo deles se tivessem alugado um helicóptero. Em última instância alugassem um carrão daqueles, um conversível digno do nome.

Mas a situação extrema serviu, pelo menos, para colocar o trio mais interessante do programa pudesse interagir muito mais, garantindo boas histórias.

Brian mente que irá se encontrar com Patrick, mas vai para a capital para encontrar-se com Mel Ling, sua ex-esposa. Ansioso por uma noite de luxúria, ele acaba tendo suas conversas mais sinceras com seu irmão Nick. No encontro, acaba só falando de Andréa e acho que, finalmente, percebe que a relação que tem agora é para valer, é de verdade.

Patrick tem seu momento de lucidez ao ser confrontado por outro senador constantemente pressionado por seu pai. Louco da vida com Tripp se encontra com o senador para pedir desculpas pelo pai e acaba surpreendido por uma paquera. Confesso que ainda não me decidi sobre o que achei dessa cena. Patrick responde de maneira bastante extrema à aproximação do senador, fazendo questão de falar que não é gay. Mas, como o próprio senador lhe diz, ele sai com transsexuais. Será que os dois são tão diferentes assim? Que efeito terá sobre Patrick um momento como esse?

Nick vai buscar Kiki, que foi levada pela mãe para um fim de semana com um cliente. Está claro que Lisa já está em outra, mais uma vez comprovando que o problema dos dois era muito mais que só a família Darling ou a fila não corria tão rápido. Nick fica muito decepcionado ao entender a verdade, mas acho que também acabou se sentindo libertado e, no mínimo, isso serviu para garantir que Lisa não vai sair com Kiki por aí como heroína traída.

Karen vai à cidade para buscar uma clínica de fertilização. Sim, a inconsequente Karen resolveu ser mãe e acho que até daria certo viu. Entre quase morreram no avião e visitarem a clínica, ela e Nick se reencontram e resolvem tentar de novo. Nick, até, aceita ser o pai dessa criança, desde que as coisas andem em um ritmo mais reduzido.

Quando ela chora, ao contar para Letitia que ela, em verdade, já está grávida de Simon, eu realmente fiquei com pena dela. Fiquei imaginando quanto tempo ela esperou que Nick lhe levasse a sério e agora ela pode ficar sem nada.



Simon que faz um pedido absurdo para Jeremy: que o mais novo Darling lhe mate. De verdade? Apenas para enganar quem quer que tenha tentá-lo matar na explosão do carro? Não sei, confesso que agora não sei bem o que esperar…


_________________
http://seriescompletas.forumeiros.net

Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum